O Rota do Blues Radio é a versão rádio web (podcast) do primeiro programa da TV brasileira a abordar a história do gênero.
A versão web tem a mesma proposta, contar a história do blues através de suas obras sonoras e seus inúmeros interpretes ao longo de sua história centenária.
Um dos destaques principais do programa é mostrar o blues feito no Brasil através de bate-papos com músicos e afins que vivem o cenário do blues nacional.
É só clikar e escolher a edição desejada.
Seja bem-vindo (a) na verdadeira Rota do Blues !!!
The Route of Blues Radio is the web podcast radio version from the first brazilian television program about the history of the gender .
The web version has the same purpose, tells the history of blues thru the sounds and stuffs of their several interprets along this centenary way.
One of the highlights is show the blues made in Brazil over the interviews of the brazillian blues musicians.
Its only to click to choose you desired edition!
You are welcome to the really mean Route of Blues.

quinta-feira, 29 de maio de 2008

Atração 3a edição Rota do Blues Radio

ROBIN TROWER

Robin Trower seguiu um dos caminhos mais dificeis do blues rock.
Era um guitarrista com uma banda de relativo sucesso, o Procol Harum ( antes chamados de Paramounts) um das bandas desbradoras de novos rumos no rock.Com o sucesso "Whiter Shade of Pale" e os albuns psicodélicos Shine on Brightly e a Salty Dog mas no final dos 60
quando ouviu JIMI HENDRIX tocando em Londres ficou chapadaço.
Primeiro parou de tocar por uns tempos depois entrou nos camarins ao final de um show do mestre e foi comprimenta-lo. JIMI , bodeado e cansado do show nem deu muita atenção ao guitarrista.
Diz a lenda que Robin chegou perto do mestre e só conseguiu balbuciar:
Vc é grande! Estou chapado de te ver tocar! (JImi teria respondido : -nâo sou nada disso ,cara).
Daí em diante o som de Robin não cabia mais no quase progressivo Procul Harum
pois ficava solando igual a um cherokee alucinado. Assim nasceu a lenda.
Daí a poucos dias a amante mais traçoeira do mundo levou JIMI (Seria essa amante traiçoeira a vida ou a morte?).
Robin passou por um período de depressão . Em 1973 Eric Clapton passeava confortavelmente pelas ruas de Londres, em seu super rolls royce e de repente toca um blues daqueles de rachar coração com a guitarra. Eric fica pensativo e fala para os amigos presentes:
" Não sabia que Jimi Hendrix havia gravado esse blues!" Era Robin Trower tocando no rádio!
Voltando ao inicio do texto sobrou a Robin Trower o papel de substituir ao MESTRE e ao mesmo tempo ser original. Não cair na cópia pura e simples. E ser um músico da escola JIMI HENDRIX , no estilo power trio de blues.Além de não deixar a chama do blues rock apagar.
E passados 40 anos ele cumpriu muito bem as suas funçoes, segurou o blues rock
nos ombros, tornou-se um mestre do wah wah nunca abandonou suas ideias e muito menos a fender stratocaster-mania-de-tocar- jeito de ser.Contribuiram para isso sua agressiva e a0
mesmo tempo agradável sonoridade os vocais perfeitos e cheios de feeling blues do baixista
James Dewar , que infelismente já nos deixou, sem falar na bateria de Bill Lordam que nada deve a Mitch Mitchell nem ao Ginger Baker.
Tocou até com Jack Bruce, Jeff Back eoutros considerados monstros sagrados do rock.Mas Robin nada deve a eles. Nunca fez uma revolução, mas a maioria dos revolucionários é reacionário enrustido! Pessoalmente me sinto no paraiso quando estou escutando Robin tocar!
E além de tudo isso é um cara simples e sem estrelismos. Aprendam todos os outros que empunham uma guitarra tocando suas musiquetas e achando que são donos do mundo.
Aprendam com mister ROBIN TROWER seus sons e sua atitude.

By
Bob Tequilla

Nenhum comentário: